quarta-feira, 26 de maio de 2010

Um lar pra você



A7+ BM

Tijolos, nem telhas
não faz só meu mundo
não perco um segundo
se vivo a sonhar

Num canto jeitoso
na Luz, no escuro
me vejo no mundo,
na rede acordar

Cm#
Em qualquer lugar
Bm
pode ser pra valer
A7+
estando ao teu lado
Bm
ao entardecer...

Cm#
Nossa intimidade
Bm
prometo vai ter
A7+
lençóis decorados
Bm E
com rosas enchanté

A7+ BM
Sobre a serra do mar
eu vou levantar um
lar pra você


Sobre a serra do mar
eu vou lá plantar
meu amor por você.


A7+ BM
Tijolos, nem telhas
não faz só meu mundo
não perco um segundo
se vivo a sonhar

Num canto jeitoso
na Luz, no escuro
me vejo no mundo,
na rede acordar

Cm#
Não dá pra sonhar
BM
se não for com você
A7+
construindo familia
BM E
ser feliz pra valer


Cm#
Entre o céu e as nuvens
BM
não posso perder
A7+
um eclipse lunático
BM E
pra lembrar de você.

A7+ BM
Sobre a serra do mar
eu vou levantar
um lar pra você

Sobre a serra do mar

eu vou lá plantar

meu amor por você.

[Mário Pires]

terça-feira, 25 de maio de 2010

Faz parte da amizade...



Confidenciar... isso é princípio de amizade
Rir... gargalhadas com amigos são ótimas.
Sentar a beira mar... ver o pôr do sol
e contemplar o quanto a vida pode ser feliz.
Viajar... conhecer juntos o que de
mais belo temos ao nosso redor.
Dividir... mesmo que o que for dividido
não lhe pertença.
Sonhar... o meu e o seu sonho, torna-se nosso.
Corrigir... somos amigos e queremos
o melhor um do outro.
Brigar... verdadeiros amigos brigam.
Chorar... mesmo que as lágrimas
não tenham nada haver com você.
Corrigir... somos amigos e queremos
o melhor um do outro.
Perdoar... mesmo que, quem perdoe, não seja perdoado.
Ter Paz.. você sabe muito bem como vivemos.
Lamentar... a amizade é fruto de insistências.
Cobrar... quem disse que amigo não cobra?
Escolher... nós escolhemos, e isso faz a amizade.
Amar... afinal amigos se amam.
Torcer... posso torcer pra qualquer coisa,
mas por você torço mais ainda.
Viver... amigos também nos dão vida.
Fugir... as vezes queremos ficar a sós,
mas não deixando de ser amigos.
Brilhar como estrela... sozinha no céu feito a lua,
ou colorida dentro de uma constelação.
Ajudar a levantar... uma queda sozinho é uma queda;
com sua amizade, é só um tombo.
Abraçar... por que abraçar um amigo,
é ter o seu abraço de volta.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Vinte



Vinte vezes olhei ao céu
sendo que das vinte
vi estrelas de papel

Vinte vezes fui ao monte
e do monte...
apreciei o horizonte vinte vezes.

Vinte vezes chorei
e ao chorar
percebi que vinte lágrimas caíam.

Vinte vezes eu sorri
e de tanto sorrir
vinte vezes eu lembrei.

Que vinte vezes eu tentei
e mesmo se não conseguisse
vinte vezes tentaria.


[Mário Pires]

terça-feira, 18 de maio de 2010

Embebecido de poesia



A poesia não influencia
ao ponto de perder-se.
Sobre o tempo que se inicia
há quem possa esconder-se.

Onde há sonhos, há vagalumes
cheiro de orvalho, flor sem perfume
portas lacradas, muro, tapume
de teu olhar ninguem esta imune.

Mas quiseras viver o momento
de Castro Alves, Quintana ou Drummond
Falar em versos, poemas ao vento
soprar aos ouvidos acordes de Tom.

Saberia distinguir que o bom dessa vida
por mais sofrida que ela seja
se mantém segredos de cabeça erguida
nem que afundes o barco na peleja.

E de tanto "ouvir" o poeta declamar
embalsamado nos ares do nascer do dia
olhei o mar do fim da noite chocalhar
e atirei-me nele embebecido de poesia.

Tropicanamente o sol envolveu o tempo
e entre o céu e o mar não há dor nem tormento
Somente a paz que traz, coisas que ninguem faz
exequindo, perfeitamente, o momento.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Uma Lua, Uma noite!

video

Sob o sol ela se esconde

Entre olhares distantes

vagando na penumbra noturna

lentamente flutua em plumas.

Numa noite te encontrei

simples, linda e formosa

encantando dragões perdidos

que nao usam espadas e sim rosas.

Provocante e astuta

sua cor elevava o calor da escuridão

relampejava em mim coisas indefinidas

sacudia as batidas do coração.

E quem diria nesta noite adocicada

qual mel tua luz reluzia

tu serás sempre acarinhada

óh luz da noite, minha estrela guia.

[Mário Pires]

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Pétalas de Flor

video

Pétalas de Flor veio do poema abaixo "Flor de Amor", transformando-se nesta canção. Espero que gostem. Grande Abraço!